Conheça as prensas servo controladas com sistema de controle CPA - Contenco
15660
post-template-default,single,single-post,postid-15660,single-format-standard,woocommerce-no-js,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-title-hidden,hide_top_bar_on_mobile_header,columns-4,qode-theme-ver-17.2,qode-theme-bridge,qode_header_in_grid,wpb-js-composer js-comp-ver-5.6,vc_responsive

Conheça as prensas servo controladas com sistema de controle CPA

A combinação das tecnologias eletrônica e hidráulica tem sido cada dia mais utilizada nos ambientes industriais por proporcionar o aumento da eficiência de máquinas e processos.

Nas tradicionais prensas elétricas para ensaios de compressão, existem unidades hidráulicas com motor elétrico trabalhando sem controle – e portanto sempre na velocidade nominal de rotação – gerando desperdício de energia, alta demanda de mão de obra especializada para operação e pouca precisão no atendimento às taxas (incremento/decremento) de carga, velocidade e deformação especificadas nos métodos normalizados.

Todavia, com a nova tecnologia implementada nos equipamentos Servo Controlados da marca Pavitest, é possível otimizar a velocidade do motor para que apenas a pressão e a vazão necessárias em cada momento sejam produzidas, de acordo com os parâmetros (força/velocidade) informados pelo operador diretamente no display de controle ou no software da máquina.

Reduzindo a velocidade do motor durante os períodos em que o equipamento demanda baixa vazão ou nas etapas do ciclo que requerem pressão mais baixa, será possível reduzir custos com energia e pessoal bem como otimizar os resultados de ensaios.

Aplicação

As prensas servo controladas com sistema de controle CPA (Carregamento Progressivo Automático) marca Pavitest, constituem um conjunto versátil e com recursos suficientes para a realização de ensaios de compressão axial, compressão diametral e determinação do módulo de elasticidade em corpos de prova de concreto com Ø10×20 cm e Ø15×30 cm.

Realizam também ensaios de compressão axial em corpos de prova de argamassa com Ø 5×10 cm e 4x 4×4 cm e compressão em blocos refratários.

Podem ser ainda realizados ensaios de tração na flexão em corpos de prova prismáticos de concreto de 15x15x50 cm e 15x15x75 cm e em vigotas de argamassas de 4x4x16 cm.

Modelos

PARA SABER MAIS INFORMAÇÕES, CONVERSE COM UM CONSULTOR